Entretenimento Espetáculo

Teatro Vila Velha recebe nova temporada da ópera Dido e Enéias estrelado pelo Coro Juvenil do NEOJIBA

O espetáculo tem direção cênica de Márcio Meirelles e direção e regência musical de Lucie Barluet e conta com quatro apresentações presenciais durante o mês de dezembro.

26/11/2021 22h00
Por: Bahia Jornal Fonte: Ascom

"Dido e Enéias" é a primeira ópera do Coro Juvenil do NEOJIBA, principal formação de canto coral do programa social do Governo da Bahia e conta com direção cênica de Márcio Meirelles e direção e regência musical de Lucie Barluet. O espetáculo que esgotou ingressos em sua primeira temporada,retorna  com quatro apresentações presenciais no Teatro Vila Velha, nos dias 4 , 5, 12 e 19 de dezembro, sempre às 16 horas. Os ingressos para a ópera custam $20 a inteira, $10 a meia e $50 para ingresso solidário e estão disponíveis no Sympla do Vila (sympla.com.br/vilavelha). Para assistir ao espetáculo é necessário apresentação do cartão de vacinação na entrada do teatro, bem como o uso de máscara facial como forma de prevenção contra a covid-19.

 

A ópera de Henry Purcell, considerada uma das grandes obras do período barroco, tem três atos e estreou em Londres, em 1689. A obra conta a história de amor e poder entre a rainha de Cartago, Dido, e o herói troiano Enéias, em um dos episódios do poema épico “Eneida”, de Virgílio. Na montagem do NEOJIBA, com 2 elencos, os personagens principais serão interpretados por Maria Fernanda Cardoso e Alexsandra Brasileiro, no papel de Dido, e Iuri Nery e Samuel Ressurreição, no papel de Enéias. 

A encenação conta com a Orquestra 2 de Julho, principal formação orquestral do programa, sob regência de Lucie Barluet e inova ao ter seu elenco majoritariamente negro e aproximar o público da linguagem operística. A preparação para a encenação da ópera começou em agosto deste ano, durante a terceira edição do Festival NEOJIBA Encanta, realizada pelo programa. Na ocasião, a cantora lírica Marília Vargas realizou masterclasses de interpretação vocal e o diretor Márcio Meirelles comandou workshops de encenação e ensaios abertos.

 

O diretor Marcio Meirelles, que foi secretário de cultura, quando o programa foi fundado, em 2007 , comenta os desafios de encenar uma ópera. "É importante esses jovens se apropriarem de uma coisa que é patrimônio do mundo, que é a ópera. É uma forma teatral e musical complexa, bonita, forte. Parece uma coisa antiga, de outro lugar, mas é nossa. Estamos discutindo o poder, o papel da mulher, das relações. É importante para todos nós. É uma história que tem muito a ver com o nosso tempo". 

 

A maestrina Lucie Barluet também destacou o caráter atemporal da obra. "É uma história antiga, mas a gente conta com o que a gente tem hoje. Foi muito interessante o processo de entender o sentido e o poder de cada palavra, cada canto".

 

SERVIÇO

Nova temporada da ópera "Dido e Enéias"

Quando: 4, 5, 12 e 19 de Dezembro sempre às 16h 

Onde: Teatro Vila Velha

Quanto: $20 inteira, $10 meia e $50 ingresso solidário a serem adiquiridos no (sympla.com.br/vilavelha)




Ficha Técnica:

Márcio Meirelles: Encenação/Direção cênica 

Chica Carelli: Assistente de direção 

Ariel Ribeiro: Coreografia e preparação corporal 

Paulo Martins: Assistente de elenco 

Miguel Campelo: Figurinista 

Lucie Barluet: Direção e regência musical 

Bruno Nunesmaia: Pianista correpetidor 

Coro juvenil do NEOJIBA: Elenco

 

Orquestra 2 de Julho

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias